Anuncios!

Notícias em Destaques

Prefeito de Niterói é preso em nova fase da Lava Jato no Rio de Janeiro



Prefeito de Niterói é preso em nova fase da Lava Jato no Rio de Janeiro
Foto: Cristina Boeckel / G1
O prefeito da cidade de Niterói, Rodrigo Neves (PDT-RJ) foi preso na manhã desta segunda-feira (10) com o desdobramento de uma nova fase da Operação Lava Jato. Ele foi denunciado pelo Ministério Público pelo desvio de mais de R$ 10 milhões da verba de transporte do município entre os anos de 2014 e 2018.

Segundo informações do G1 RJ, policiais que efetuaram a prisão do prefeito disseram que ele se descontrolou emocionalmente e chegou a pedir para ser atendido por um médico. Já na sede da polícia, o gestor disse que tem uma vida comum.

“Trabalho desde os 18 anos de idade, 20 anos de vida pública, não viajo pro exterior, tenho três filhos lindos, fecho minhas contas como qualquer cidadão de classe média, vivo em um imóvel simples. Me estranha muito esse tipo de ocorrência”, afirmou o prefeito de Niterói.

A OPERAÇÃO
Batizada de Operação Alameda, a ação é decorrente da delação do ex-dirigente da Fetranspor Marcelo Traça. Outros três mandados de prisão e 19 de busca e apreensão, em locais como a sede da prefeitura e do sindicato das viações da região, foram cumpridos. Os demais detidos foram o ex-secretário municipal Domício Mascarenhas de Andrade, o presidente do consórcio TransOceânico e sócio da Viação Pendotiba, João Carlos Félix Teixeira, e o presidente do consórcio Transnit e sócio da Auto Lotação Ingá, João dos Santos Silva Soares. Bahia Notícias.
Tecnologia do Blogger.